07 out, 2016

Comércio espera que o Dia das Crianças impulsione vendas de outubro

Análise realizada pela FCDL-RS projeta crescimento da comercialização de produtos em vários ramos do setor na comparação com setembro

295675_645831_marcelo_matusiak__33_O comércio varejista gaúcho espera que a celebração do Dia das Crianças, em 12 de outubro, ajude a incrementar as vendas do mês, superando em até 7% o volume comercializado em setembro. A expectativa é apontada no levantamento realizado pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul – FCDL-RS.

O crescimento esperado é de até 15% nas vendas de artigos de uso pessoal, no qual se incluem os brinquedos; de 14% em vestuário e calçados; de 11% em móveis; de 10% em eletrodomésticos; de 7% em publicações e papelaria; e de 6% para produtos de informática e de telefonia.

– Tradicionalmente o mês de outubro representa uma elevação expressiva nas vendas do comércio varejista. Embora ainda estejamos vivendo uma crise econômica que impacta de maneira muito forte o orçamento das famílias brasileiras, já observamos sinais de reação em alguns segmentos e a expectativa é que o Dia das Crianças já concretize este alento para o varejo gaúcho – aponta o presidente da FCDL-RS, Vitor Augusto Koch.

Em relação ao que se prevê como opções de compras dos pais para os pequenos, a FCDL-RS acredita que os presentes deverão ter menos tecnologia e menor vinculação com grifes famosas de heróis infantis, em virtude da necessidade do consumidor encontrar preços mais atrativos. Calcula-se um volume de vendas semelhante ao de 2015, mas com um ticket médio um pouco menor, na casa dos R$ 90,00.

– Com as taxas de juros astronômicas do cheque especial e do rotativo do cartão de crédito, as famílias estão optando por fazer compras à vista, com custo menor. Isso deve se manter, também, nas aquisições para esta data especial. Por isso, entendemos que bonecas, jogos manuais e carrinhos deverão ser os presentes mais vendidos neste ano. A exceção deve ficar no caso de smartphones, muito pela moda do jogo Pokemon-Go, que exige aparelhos com sistema operacional mais moderno – enfatiza Vitor Koch.

A FCDL-RS lembra aos lojistas que as crianças são exigentes e que influenciam decisivamente na compra que os pais poderão fazer. Então, o comerciante precisa recepcionar muito bem toda a família e mimar seus pequenos consumidores. A sugestão da entidade associativista é apostar em um ambiente que chame a atenção da criançada, e, se for possível, na oferta de guloseimas e brindes para elas.

Trackback URL: http://playpress.com.br/2016/10/07/comercio-espera-que-o-dia-das-criancas-impulsione-vendas-de-outubro/trackback/

Leave a comment:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *